lunes, 16 de marzo de 2009

Bosque


Há testemunhos silentes que viram as geadas,

O sussurro da brisa nos seus cabelos vegetais,

A terra confessa seu caminho de longos séculos.

Prolongado canto úmido, certas notas que ecoam.

Porque a terra perdura nas suas naturezas.

Um dia foi semente a longevidade.

Curiosa sapiência a do tempo in-verso.

4 comentarios:

João Soares dijo...

um trilho de formigas, sem engarrafamentos, perfilam num vai-vem decompositor, num microecossistema ímpar, construtoras de megacidades no mais fundo do solo de um bosque.
Um abraço

Luis Enrique dijo...

Muito bela a tua disertação João. Obrigada :)

Hanah dijo...

Belissimo...


...


...

bjos

Luis Enrique dijo...

Bem-vinda de novo Hanah. Obrigada e beijinhos. : ))