viernes, 4 de enero de 2008

Para uma criança desprotegida e sozinha. Imagem terrivel, a outra horrivel cara do mesmo mundo.

*O mundo gastou o ano passado em armas (gastos militares) US$1118 mil millôes. Isto é simplesmente inexplicável !. A mim ninguém me pergunta, no momento de votar, se eu prefiro que se comprem armas em lugar de destinar dinheiros e bens para ajuda humanitaria. Porque é que nós continuamos a manter (soster com o nosso dinheiro) um aparato militar e político que gasta tanto dinheiro em defesa ?. Porque se compram tantas armas com tanta fome, miseria e tristeza que há no mundo?

Otro mundo.

Si por un momento quién me diera ser el viento,
Levantarte iría del suelo y llevarte bien lejos,
A otros mundos, muy lejos
donde hay de todo,
Paz, amor, vida, sueños, dulces
y una eterna primavera.

No llores, no llores criatura,
El monstruo que te asustaba se ha ido,
No te podrá comer,
Se ha ido para siempre y no volver,
Lo he matado, lo he vencido, no lo volverás a ver.

No llores mi niño, que los ángeles lloran contigo,
Con tu hambre, pena, miedo y lágrimas haré un destierro,
No llores mi niño, no llores.

Te llevaré lejos de este mundo negado,
Te llevaré a otro lado.
Al lado donde los niños rien, cantan y sueñan.
te llevaré a donde nunca has estado.
No llores mi niño, no llores..

4 comentarios:

Odele Souza dijo...

Eu já conhecia esta imagem. É forte. Não conhecia teu texto. É lindo.

Um abraço.

Luis Enrique dijo...

É muito forte esta imagem, terrivel! mas aS vezes e infelizmente esta é uma realidade q ha que conhecer. o texto é meu sim, senti-me muito comovido por esta imagem assim que procurei no meu coração um texto, pelo menos para intentar acalmar meu propio horror.

abraço Odele, obrigada pela visita, abraço para a Flávia e seu outro filho.

david santos dijo...

Hola, Luis.
Pasaba para desearte un Feliz Año Nuevo!!

Luis Enrique dijo...

Para si e os seus também David. Obrigada !